Confecção de Máscaras, economia cíclica do Matriarcado



Na Zona Oeste do Rio de Janeiro, comandada pela empreendedora Cecília da Silva, criadora da marca Flor de Oya, mulheres pretas produzem máscaras para distribuição nas ações do Instituto Hoju, financiadas pelo #fundobaoba .

Uma habilidade vocacional, herdada da Escola Têxtil e de Confecção Nêga Rosa, com a parceria da marca Flor de Oya, estamos em busca de trabalhos de confecção que possam manter a geração de receita para manter a infra-estrutura e os slários da colaboradoras.

Como parte integrante do programa África Brasil Fashion Business, a ETC Nêga Rosa vêm unir elos para fortalecer nossa corrente de emancipação.

#negaroa
#economia matriarcal
#abfb
#institutohoju
#economiapreta
#matriarcadoafreekana

Gostou!

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no google
Compartilhar no telegram
Compartilhar no whatsapp

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Ajude nossa organização doando hoje! Todas as doações vão diretamente para fazer a diferença para a nossa causa.

Produtos em destaque

Últimas publicações

O INSTITUTO HÓRUS CULTURA EDUCAÇÃO INTEGRAL E DESENVOLVIMENTO HUMANO, com sede à Rua Visconde de Niterói, 1180 sb, registrada no Registro Civil das Pessoas Jurídicas sob

Últimas publicações

Últimas publicações

WP-Backgrounds Lite by InoPlugs Web Design and Juwelier Schönmann 1010 Wien